Logo
  • Maranhão

    Idosa de 92 anos é estuprada por vizinho em Tajaçuaba zona rural de São Luís

    Um homem identificado como José Ribamar Sousa, de 73 anos, está sendo procurado pela polícia por suspeita de estuprar uma idosa de 92 anos, no bairro Tajaçoaba, na zona rural de São Luís.
    De acordo com familiares da vítima, José Ribamar era vizinho da idosa e costumava insistir para cuidar dela quando a família não estava por perto.
    Familiares desconfiaram do que acontecia na residência porque a idosa ficava agitada todas as vezes que o vizinho chegava perto dela. Por conta disso, no mês de julho, a neta da vítima instalou uma câmera escondida na casa que flagrou José Ribamar abusando sexualmente dela. Em seguida, a denúncia foi feita e o material foi entregue à polícia e ao Ministério Público do Maranhão (MP-MA).
    Depois que o estupro foi descoberto, José Ribamar fugiu. Na fase de investigações, a polícia pediu a prisão preventiva do suspeito. O Ministério Público do Maranhão (MP-MA) denunciou José Ribamar pelo crime de estupro de vulnerável e reforçou o pedido de prisão preventiva feita pela Polícia Civil.
    “Nós estamos oferecendo a denúncia para o crime de estupro contra uma pessoa vulnerável, ou seja que não pode oferecer resistência. Assim como os crimes de maus tratos previsto no Estatuto do Idoso e estamos reforçando o pedido de prisão preventiva solicitada pela autoridade judicial”, explicou o promotor.
    A idosa sofre do mal de Alzheimer, uma doença degenerativa que afeta principalmente a memória, além de outros sintomas e alterações no comportamento que se agravam ao longo do tempo. Além disso, a vítima tem dificuldades de locomoção, por essa razão passa o dia deitada. Por isso, nunca comunicou nada para a família.
    “Diante da enfermidade que ela está acometida, ou seja, um Alzheimer em um estado bem avançado demonstra claramente, as imagens mostram isso, que ela não poderia oferecer qualquer tipo de resistência a aquele abuso sexual no qual ela foi vítima. Ela demonstra uma angústia, se verifica que ela fica agitada, muito agitada, isso tem consequências para agravar o estado de saúde dessa pessoa idosa que inclusive já usava fraldas, não se locomove, além de causar um impacto muito forte aos seus familiares. É um crime grave, um crime que não pode ficar impune, essa pessoa tem que ser localizada, tem que responder perante a justiça”, disse Augusto Cutrim, promotor do idoso.
    De acordo com o promotor, o caso reforça que qualquer mulher independente da idade pode ser vítima de abuso sexual e que grande parte desses crimes são praticados por pessoas muito próximas da vítima.
    “Um idoso de 73 anos que praticou o abuso sexual. Isso quebra um mito de que a pessoa idosa, principalmente a mulher, ela não pode ser vítima de abuso sexual. Esse caso relata de forma clara que sim uma pessoa idosa, uma mulher idosa, que não pode oferecer nenhuma resistência ela pode ser abusada sexualmente e mais uma vez se confirma que grande parte desses delitos são praticados por pessoas muito próximas que no caso, era um vizinho”, concluiu.
    Fonte: G1MA

    Policial Militar de Grajaú é autuado por homicídio em Imperatriz

    Um policial militar, identificado como Anderson Ferreira da Silva, lotado do 37º Batalhão da Polícia Militar de Grajaú, foi autuado em flagrante, nesse sábado (16), suspeito de envolvimento no assassinato de um homem, por nome de Wellington Santos. O crime aconteceu na madrugada de sábado (16), em um lava-jato no bairro Santa Rita, em Imperatriz.
    De acordo com informações policiais, o homem teria sido perseguido, e ao ser alcançado, foi alvejado na cabeça com um tiro de pistola ponto 40. Wellington Santos não resistiu aos ferimentos e morreu no local. A motivação do crime não foi informada pela polícia.
    Logo após o crime, a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), iniciou as investigações, que logo chegaram ao PM. “O policial foi identificado na manhã de sábado, e havia sido recolhido inicialmente pelo 3º BPM, sendo apresentado no Plantão Central, onde foi autuado em flagrante delito, teve, ainda, a arma apreendida e o automóvel também”.
    O PM se encontra preso em flagrante na sede do comando do 3º Batalhão da Polícia Militar, por ser a única unidade da região que dispõe de cela. Ele vai ficar preso aguardando parecer da Justiça.

    Novas manchas de óleo são encontradas entre o Maranhão e Piauí

    Vista geral de um derramamento de óleo na praia de Peroba em Maragogi, estado de Alagoas, Brasil, outubro de 2019. Foto tirada em 17 de outubro de 2019. REUTERS / Diego Nigro

    Novas manchas de óleo foram avistadas ontem, sábado (16), na região do Delta do Rio Parnaíba, região na divisa entre os estados do Maranhão e Piauí. De acordo com a Capitania dos Portos, homens da Marinha foram deslocados para a região a fim de verificar a quantidade do material e iniciar os trabalhos de limpeza das praias.
    Segundo o último relatório do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), divulgado ontem, o litoral do Piauí tem sete pontos onde foram encontrados vestígios esparsos de óleo. No Maranhão são quatro pontos.
    Devido ao aparecimento das manchas, a Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos do Estado do Piauí (Semar) comunicou que toda a orla da Praia de Atalaia, localizada em Luís Correia, está imprópria para banho.
    Além das manchas de óleo no Maranhão e Piauí, cinco tartarugas marinhas foram encontradas com vestígios do poluente, sendo três no Piauí e duas no Maranhão. Apenas uma sobreviveu, que foi na Praia de Itatinga, no município de Alcântara, no Maranhão.
    Manchas de óleo
    As manchas de óleo têm poluído o litoral do Nordeste brasileiro desde o início de setembro. Segundo a Polícia Federal (PF), uma embarcação grega é suspeita de ter causado o derramamento de óleo, que já atingiu mais de 250 praias nordestinas brasileiras. A embarcação grega teria atracado em 15 de julho na Venezuela, onde ficou por três dias antes de seguir para Singapura, via África do Sul.
    As investigações contaram com a participação da Marinha, do Ministério Público Federal, do Ibama, da Agência Nacional do Petróleo, Universidade Federal da Bahia, Universidade de Brasília e Universidade Estadual do Ceará, além de uma empresa privada do ramo de geointeligência.
    Dessa forma foi possível localizar a mancha inicial do óleo, a 700 km da costa brasileira (em águas internacionais), de extensão ainda não calculada. A partir da localização da mancha inicial, foi possível estimar que o derramamento deve ter ocorrido entre os dias 28 e 29 de julho. Fazendo uso de técnicas de geociência, foi possível chegar “ao único navio petroleiro que navegou pela área suspeita”, naquela data, segundo a PF.

    Motorista dorme ao volante e atropela duas crianças na BR-402, em Rosário

    Um motorista perdeu o controle do carro e atropelou duas crianças na tarde deste domingo (16) no km 15, da BR-402 no povoado Nambu Açu de Cima, localizado no município de Rosário, cidade a 75 km de São Luís. De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) o condutor do veículo teria dormido ao volante. Uma das crianças atingidas não resistiu aos ferimentos e morreu no local.
    Moradores da comunidade alegam que as crianças estavam no acostamento quando foram atingidas. Segundo a PRF, o motorista também bateu contra uma motocicleta que passava pelo local. Com a força do impacto, a moto colidiu com outro veículo que estava parado no acostamento da rodovia.
    O condutor chegou a ser linchado por moradores que também atearam fogo no veículo que ele dirigia. No momento da ação, a esposa do motorista e duas crianças estavam dentro do carro e uma delas foi atingida por uma pedrada. Uma equipe da Polícia Militar foi acionada e conseguiu retirar a família do local.
    Em seguida, o motorista agredido foi levado para o hospital. Não há informações sobre o estado de saúde da criança atingida. Após o acidente, moradores também tentaram bloquear a rodovia, mas foram impedidos pelos policiais. A comunidade alega que a região tem registrado inúmeros acidentes e cobra uma solução para o problema.
    O caso será investigado pela polícia. A PRF informou que uma reunião com representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e a comunidade foi pré-agendada. Por conta do clima tenso no local, equipes da PRF e da PM permanecem na área do acidente para evitar novos conflitos.

    Motorista também atingiu motocicleta que transitava pelo local. — Foto: Divulgação/PRF

    PRF prende motociclista com CNH falsa na BR-010 em Porto Franco

    A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu na quinta-feira (14) um motociclista, que não teve a sua identidade revelada, que trafegava com uma CNH falsa pela BR-010, em Porto Franco, a 720 km de São Luís.
    Segundo a PRF, por volta das 16h10, enquanto os policiais rodoviários realizavam abordagens de rotina no km 155 da BR-010, em Porto Franco, quando o motociclista parou no acostamento cerca de 80 metros antes de chegar no local onde eram realizadas as abordagens.
    Ao constatar que o veículo poderia efetuar operação de retorno para evadir-se, a viatura da PRF foi até o local e abordou a referida motocicleta, a qual era conduzida por seu proprietário, um homem de 39 anos.
    Solicitados os seus documentos, o motociclista apresentou CNH que não constava nos registros dos sistemas de segurança da PRF. De acordo com a PRF, o motociclista admitiu ter conseguido a CNH através de uma pessoa em Porto Franco e que o mesmo o teria levado para Marabá, juntamente com diversos outros alunos, para realizar aulas e uma prova escrita, na qual fora ajudado por funcionário da autoescola de Marabá. Cerca de um mês depois, recebeu a Carteira Nacional de Habilitação em Porto Franco. Em março de 2018 a CNH do referido condutor foi cancelada após confirmação de fraudes no processo de habilitação.
    Diante das informações obtidas foi constatada, a princípio, a ocorrência de Uso de documento falso. O motociclista recebeu voz de prisão e foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Estreito.

    Polícia prende grupo suspeito de estupros, tráfico e homicídios no Maranhão

    A Polícia Civil realizou uma operação nesta quinta-feira (14) e cumpriu 10 mandados de prisão e 6 mandados de busca e apreensão em Carolina, no sul do Maranhão. Ao menos 13 pessoas foram presas, sendo três autuadas em flagrante. São elas:
    • Constantino Campelo do Nascimento
    • Adaílton de Holanda da Silva
    • Romário Ferreira da Silva
    • Clesio Sousa da Silva
    • Haroldo da Conceição Noleto Miranda
    • Brenda Ferreira Noronha
    • José de Ribamar Peres Damasceno Neves
    • Gabriel da Silva Pereira de Sousa
    • Hilário Cardoso dos Santos
    • Duyllio Paiz Cardoso Rocha
    • Ailton Oliveira da Silva
    • Celso André Fernandes Duarte
    Segundo a polícia, os suspeitos foram presos por crimes de tentativa de latrocínio, tortura, estupro de vulnerável, tráfico de drogas, roubo, porte ilegal de arma de fogo, furto qualificado, receptação, entre outros.
    No total foram recuperados dois aparelhos celulares e três motocicletas. Também foram apreendidos porções de maconha, 250 munições de arma de fogo e uma espingarda.

    Mulher é presa por tráfico de drogas em Rosário

    Uma mulher identificada como Maria Rita Santos Ramos, foi conduzida para a Delegacia Regional de Rosário, na manha desta quinta-feira (14), pelo crime de tráfico de drogas.
    A prisão aconteceu por volta de 9h30mim, no bairro Irã-Rosário, segundo informações da Polícia Militar a conduzida ao avistar a equipe de policiais que faziam moto-patrulhamento, teria jogado alguns materiais dentro do Rio, foi dado voz de condução e solicitado a presença de uma policial feminina para que fosse feito uma revista pessoal, com a conduzida uma quantia em dinheiro e material semelhante a crack e maconha.
    Material Apreendido
    • 45 (Quarenta e cinco) cabeças de substância semelhante à crack;
    • um tof (substância semelhante a maconha)
    • um rolo de papel filme
    • um rolo médio de papel filme
    • um cento de saco tipo papelote para embalagem de droga
    • um tubo de linha
    • R$ 33,00 (trinta e três reais)
    Maria Rita foi apresentada na Delegacia sem lesões corporais para os procedimentos cabíveis.

    ‘Operação Emplacamento’ descobre esquema na venda de veículos para prefeituras no Maranhão

    A Polícia Civil e o Ministério Público do Maranhão deflagaram a ‘Operação Emplacamento’ devido investigação que apura fraudes para desvios de recursos públicos por meio de negociação de ambulâncias para prefeituras no Maranhão. Foram cumpridos mandados de busca e apreensão em quatro empresas e cinco residências em Santa Inês, nesta quarta-feira (13).
    Os mandados foram expedidos pela 1ª Vara Criminal de São Luís. Desta forma, os agentes apreenderam computadores, celulares e documentos para serem periciados.
    A investigação do MP e da Polícia Civil começou por conta de informações sobre a ação de uma possível organização criminosa em negociações de veículos para prefeituras do interior do estado. Fraudes em documentos eram feitas para desviar recursos públicos e adquirir ambulâncias de maneira errada. A investigação apura a participação no esquema de empresários, despachantes e servidores públicos.
    Segundo a investigação, as prefeituras envolvidas de alguma forma no esquema são Bom Lugar, Pio XII, Anapurus, Buriti, Altamira do Maranhão, Tasso Fragoso, Santa Luzia, Mirador, Vargem Grande, Afonso Cunha, Esperantinópolis, Cedral, Bequimão, Araioses, Serrano do Maranhão, Cidelândia e Santa Luzia do Paruá.
    Notas fiscais de uma transação de 2017 foram apreendidas revelando um procedimento suspeito no processo do emplacamento de veículos comprados pelas prefeituras. Segundo as autoridades, “o despachante e sócio da empresa Santa Inês Emplacamentos, Élton Luís da Silva Lima, apresentava duas notas fiscais à Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran) em Santa Inês. Uma primeira nota consignava a venda do veículo para a empresa R L de Farias – RL Empreendimentos, cujo sócio responsável é Roberto Lima de Farias. A segunda nota registrava a revenda desta empresa para as prefeituras”.
    Este procedimento foi proibido em 2018 pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran) e foi quando Élton Luís da Silva, segundo a investigação, começou a fraudar notas fiscais para seguir com o registro e o emplacamento em nome das prefeituras, para que ele não aparece oficialmente em toda a transação, assim era como se as gestões públicas tivessem adquirido os veículos diretamente dos fabricantes.
    De acordo com o MP e a polícia, o esquema seguia com as participações das empresas F.V. Dos Santos (Totalmax), R. L. Empreendimentos e até pessoas ligadas a estas empresas. Em seguida, os veículos chegavam superfaturados às prefeituras.
    Outro destaque da investigação foi a supressão de crédito por parte da R. L. Empreendimentos, uma vez que ela tem benefícios fiscais pela atuação no mercado como locadora de veículos. Os dados da Secretaria de Estado de Fazenda (SEFAZ) apontam ainda irregularidades por parte de Danielle Brito de Oliveira, Gustavo Henrique da Silva Gomes e Antônio Carlos dos Santos Martins Júnior, que aproveitavam vantagens por conta do Convênio ICMS 51/00.
    O contador Klecyo Henrique de Matos Barros trabalhava para a R.L. Empreedimentos e também para a F. Vieira da Silva, por isso esta última também foi investigada e, segundo o MP e a polícia, a forma de agir era a mesma.

    Nota na íntegra do Detran

    Em relação a matéria sobre operação do Gaeco na venda de veículos para prefeituras do Maranhão, o Detran informa, que ainda em 2017, foram detectadas irregularidades no registro de veículos oficiais ocorridos na Ciretran de Santa Inês. O serviço foi imediatamente suspenso e feita comunicação para a Sefaz e Polícia Civil, que tomou providencias, abrindo o inquérito policial cujos desdobramentos resultaram na operação deflagrada hoje.

    Em 2018 no entanto, uma funcionária da Ciretran de Santa Inês identificou nova tentativa de irregularidade, desta vez através da DANF, com o objetivo de burlar o sistema de registro no Detran MA e as alterações que haviam sido feitas para impedir as situações detectadas em 2018. Novamente foi feita a comunicação aos órgãos de fiscalização do Estado.

    O Detran MA destaca que a Ciretran de Santa Inês e nenhum servidor do órgão foram alvos de investigação da Gaeco, visto que foi a denuncia da própria Ciretran, que deu início a tais investigações e que, só por meio delas, a Sefaz verificou a fraude.

    O Detran MA informa ainda que todos os esforços do órgão são envidados no sentido de coibir qualquer tipo de irregularidade e para isso tem investido maciçamente em dispositivos de segurança.

    Mulher mata amiga a facadas durante briga em Codó

    “Larissinha” matou a amiga “Cacheada” a facadas durante discussão por ciúmes de um homem

    Uma briga entre amigas, na noite dessa terça-feira (12), terminou em morte na Rua Viana, no bairro Codó Novo, na cidade de Codó, a 297 km de São Luís.
    Karliane Conceição Craveiro, conhecida como “Cacheada” foi assassinada por Larissa Rafaela Parente, conhecida como “Larissinha”, de 21 anos.
    Segundo testemunhas, as duas estavam bebendo cerveja juntas quando houve um desentendimento que teria sido motivado por ciúmes de um homem.
    Durante a briga, “Larissinha” desferiu golpes de faca no pescoço e tórax de “Cacheada”, que teve morte imediata.
    A Polícia Militar chegou rapidamente ao local e conseguiu efetuar a prisão da acusada. Ela foi levada para a 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Codó. O corpo da vítima foi removido, por volta das 19h20, para o necrotério do HGM.

    Casal morre após capotamento de caminhonete na BR-402, em Axixá

    Um homem e uma mulher morreram, na noite desta terça-feira (12), após capotamento de uma caminhonete Hilux, de cor branca e placa QKF-4909, de São José de Ribamar, na BR-402, no município de Axixá, a 97 km de São Luís.
    O homem foi identificado como Charles Aurélio, que seria motorista do comerciante Dodô, dono de um mercadinho, no bairro Barbosa, em São José de Ribamar.
    A mulher, identificada como Tacilma Pinto Rodrigues, de 24 anos, sacou do veículo e morreu em consequência de traumatismo craniano e múltiplas fraturas.
    De acordo com as informações levantadas pela equipe PRF no local, o condutor de um Chevrolet Corsa Classic fez manobra irregular ao tentar pegar a esquerda, quando foi colhido frontal pela Hilux.
  • Anne Boutique

  • Policiais do 27º BPM prende estuprador em Rosário

    Policiais do 27º BPM prende estuprador em Rosário

    Um homem identificado como Walison Rodrigues dos Santos de 28 anos foi preso no início da noite desta segunda-feira (12), pela prática de estupro de vulnerável na cidade de Rosário, no Bairro Lagoa Azul, a vítima tem 17 anos, ela estava voltando da escola em uma bicicleta, quando foi surpreendida pelo indivíduo.A prisão aconteceu após policiais de serviço atenderem um chamado da central, de que ele teria cometido o crime de estupro, no endereço informado, a equipe de serviço foi até o local.

    Posted by Blog do Suerle Mourao on Monday, August 12, 2019
  • 3D INFORMÁTICA

  • A arte da nossa cidade Rosário

  • Assinar blog por e-mail

    Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

    Junte-se a 549 outros assinantes

  • Siga-me no Twitter

  • error: Conteúdo Protegido