Logo
  • Política

    Reforma da Previdência é promulgada pelo Congresso

    Os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do senado, Davi Alcolumbre, durante sessão do Congresso Nacional para promulgação da emenda constitucional (103/2019) da reforma da Previdência.

    Quase nove meses depois de ser oficialmente proposta pelo governo, nesta terça-feira (12), deputados e senadores, em uma sessão conjunta do Congresso Nacional, promulgaram a reforma da Previdência. O texto altera regras de aposentadorias e pensões para mais de 72 milhões de pessoas, entre trabalhadores do setor privado que estão na ativa e servidores públicos federais.

    Considerada um marco dos 300 dias do governo Bolsonaro, a solenidade presidida pelo presidente do Congresso, senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) também foi acompanhada pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Alcolumbre minimizou a ausência do presidente da República, Jair Bolsonaro e do ministro da Economia,Paulo Guedes na sessão. “Eu acho que não é sinal de nada. A gente ás vezes faz um cavalo de batalha por uma fotografia. As emendas constitucionais sempre foram promulgadas em sessões solenes especiais do Parlamento brasileiro. Nessas sessões muitas delas o presidente da República e ministros não vieram. Não será a presença do presidente da República ou do ministro que vai chancelar esse encontro, essa promulgação”, avaliou Alcolumbre ao chegar ao Senado.
    O presidente do Senado destacou ainda a importância do trabalho do Congresso na aprovação da reforma da Previdência. “Promulgaremos as mudanças no sistema previdenciário brasileiro, o maior dos últimos 30 anos. Isso foi um esforço coletivo, de todos os parlamentares, da Câmara dos Deputados, dos senadores”, disse. Ainda segundo ele, a ideia é que hoje ainda a Casa vote o segundo turno da Pec Paralela à reforma da Previdência. Se aprovado, com o mínimo de 49 votos no plenário, o texto – que abre caminho para que estados e municípios adotem as mesmas regras para seus servidores por meio de uma lei ordinária – seguirá para análise dos deputados, onde terá que passar por uma Comissão Especial e por dois turnos de votação.
    A proposta inicial do governo previa economia de R$ 1,2 trilhão em 10 anos. Com as alterações feitas pelo Congresso, caiu para R$ 800 bilhões no mesmo período. As regras da reforma entram em vigor imediatamente com a promulgação da emenda constitucional.

    Presidente Bolsonaro assina medida provisória que extingue o Dpvat

    O presidente Jair Bolsonaro assinou hoje (11) medida provisória (MP) extinguindo, a partir de 1º de janeiro de 2020, o Seguro Obrigatório de Danos Pessoais causados por veículos automotores de via terrestre, o chamado Dpvat. De acordo com o governo, a medida tem por objetivo evitar fraudes e amenizar os custos de supervisão e de regulação do seguro por parte do setor público, atendendo a uma recomendação do Tribunal de Contas da União (TCU).
    Pela proposta, os acidentes ocorridos até 31 de dezembro de 2019 continuam cobertos pelo DPVAT. A atual gestora do seguro, a Seguradora Líder, permanecerá até 31 de dezembro de 2025 como responsável pelos procedimentos de cobertura dos sinistros ocorridos até a da de 31 de dezembro deste ano.
    “O valor total contabilizado no Consórcio do Dpvat é de cerca de R$ 8,9 bilhões, sendo que o valor estimado para cobrir as obrigações efetivas do Dpvat até 31/12/2025, quanto aos acidentes ocorridos até 31/12/2019, é de aproximadamente R$ 4.2 bilhões”, informou o Ministério da Economia.
    De acordo coma pasta, o valor restante, cerca de R$ 4.7 bilhões, será destinado, em um primeiro momento, à Conta Única do Tesouro Nacional, em três parcelas anuais de R$ 1.2 bilhões, em 2020, 2021 e 2022.
    “A medida provisória não desampara os cidadãos no caso de acidentes, já que, quanto às despesas médicas, há atendimento gratuito e universal na rede pública, por meio do SUS [Sistema Único de Saúde]. Para os segurados do INSS [Instituto Nacional do Seguro Social], também há a cobertura do auxílio-doença, aposentadoria por invalidez, auxílio-acidente e de pensão por morte”, acrescentou o ministério.
    A MP extingue também o Seguro de Danos Pessoais Causados por Embarcações, ou por sua carga, a pessoas transportadas ou não (DPEM). Segundo o ministério, esse seguro está sem seguradora que o oferte e inoperante desde 2016.

    Lula ataca PF, Moro, Lava Jato e Judiciário e chama Bolsonaro de mentiroso

    Durante o primeiro discurso após ser libertado, o ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse que a sua prisão foi resultado de um “lado podre” do Estado brasileiro, “da Justiça, do Ministério Público, da Polícia Federal e da Receita Federal”, que, segundo o presidente, “trabalhou para tentar criminalizar a esquerda, o PT e o Lula”. “O lado mentiroso da PF que fez inquérito contra mim, o lado canalha do MP e da força-tarefa.”
    “Se pegar o (Deltan) Dallagnol (chefe da força-tarefa do Ministério Público Federal em Curitiba), o (Sergio) Moro (ex-juiz da Lava Jato) e alguns delegados, enfia e bate num liquidificador. O que sobrar não é dez por cento da honestidade que eu represento nesse País. Eles têm que saber que caráter e dignidade não é uma coisa que a gente compra em shopping center, em feira ou no bar”, discursou o presidente.
    “O Moro tem que saber uma coisa: não prenderam um homem. Tentaram matar uma ideia, mas uma ideia não desaparece”, disse Lula, retomando as ideias da sua fala no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC logo antes de ser preso em abril de 2018.
    O presidente também fez críticas a veículos de imprensa. “Eu quero lutar para provar que se existe uma quadrilha e um bando de mafioso é essa maracutaia, liderada pela Rede Globo.” Lula ainda afirmou que “não tem mágoas” nem dos policiais federais, nem dos carcereiros.
    Dimensão – Logo após sair deixar a prisão, o ex-presidente havia dito que não chegou a pensar que poderia estar fora do cárcere na sexta-feira, 8.
    “Não tenho dimensão do significado de eu estar aqui junto de vocês. A vida inteira estive conversando com o povo brasileiro, eu não pensei que no dia de hoje, eu poderia estar aqui conversando com homens e mulheres que durante 580 dias ficaram aqui”, afirmou Lula a manifestantes que se aglomeraram na sede da Polícia Federal. “Todo santo dia, vocês eram o alimento da democracia que eu precisava para resistir”.
    A ordem de soltura do petista foi dada, às 16h15, pelo juiz Danilo Pereira Júnior, da 12ª Vara Federal de Curitiba, menos de 24 horas depois de o Supremo Tribunal Federal declarar inconstitucional a prisão após condenação em segunda instância – caso de Lula.
    Repercussão – Nas redes sociais, foi grande a repercussão do caso. O Twitter brasileiro, por exemplo, foi tomado por publicações que repercutem a liberdade do petista. Parlamentares da situação, de centro e da oposição também se engajaram no tema
    “A liberdade de Lula repara apenas parte da trama para tirá-lo do páreo em 2018. Condenado sem provas por um conluio, a justiça só será restabelecida com a anulação da sentença por parcialidade do juiz”, escreveu o senador Renan Calheiros (MDB-AL), um dos parlamentares mais críticos da operação Lava Jato.
    A deputada Maria do Rosário (PT-RS) também comemorou a saída do ex-presidente da prisão: “emoção por Lula, pela democracia e pelo Brasil. Gratidão pelas pessoas que ficaram em vigília cada dia desta injusta prisão. A verdade sobre o processo falso de Moro foi desmascarada pela #VazaJato por jornalistas livres. Temos um país pelo qual lutar. Um povo para amar”.
    Deputados da ala antipetista criticaram o ex-presidente e também o Supremo Tribunal Federal (STF). A liberdade a Lula foi concedida a partir da decisão do plenário da Corte, tomada nesta quinta-feira, 7, de que condenados pela Justiça só poder cumprir pena após seus processos transitarem em julgado, alterando a jurisprudência que levou Lula e outros condenados da Lava Jato à prisão.
    “Lula sai da cadeia, discursa e ataca o que chama de ‘lado podre’ da PF, MPF, PF e judiciário, referindo-se à Lava Jato. É o coice na cara do brasileiro consumado. Valeu STF!”, provocou a deputada Joice Hasselmann (PSL-SP). A deputada Dayane Pimentel (PSL-BA) disse que Lula terá de enfrentar “uma política com uma renovação estrondosa no Congresso Nacional” que mostrará a “Lula e sua corja o que é patriotismo e compromisso com a população: leis, manifestações, discursos, reflexões… Lula, você ouviu falar de nós, agora vai ter que nos enfrentar”, publicou.
    Kim Kataguiri (DEM-SP), criticou o PT pela militância contra o fim da prisão após condenação em segunda instância: “Cunha livre, Eduardo Azeredo livre e Sérgio Cabral livre. Parabéns, petistada, soltaram o ladrão de vocês (que não vai servir de nada porque está com os direitos políticos cassados) e ainda fizeram a alegria dos corruptos dos outros partidos. Golaço!”
    Gilberto Léda

    Maranhense marca primeiro gol pelo Atlético Mineiro e se emociona ao lembrar infância difícil

    A partida entre Atlético Mineiro e Goiás, válida pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro e disputada na quarta-feira (6), no Mineirão, teve um momento histórico e emocionante para o meia maranhense Marquinhos, de 20 anos. Nascido no município de Cajari, a 200km de São Luís, Marquinhos fez o seu primeiro gol como profissional com a camisa atleticana e foi peça fundamental na vitória por 2 a 0, resultado que afastou o Galo da zona de rebaixamento da competição nacional.
    Sem passagens por clubes maranhenses nas categorias de base, Marquinhos defendeu Ituano e Osasco Audax antes de se profissionalizar no Atlético Mineiro. Depois de uma rápida passagem pela Chapecoense, o meia maranhense voltou ao Galo em 2019, ganhou uma oportunidade com o técnico Vágner Mancini e justificou a aposta do comandante: no jogo contra o Goiás, Marquinhos entrou no intervalo, marcou um belo gol da entrada da área aos oito minutos do segundo tempo e não escondeu as lágrimas após fazer a festa da torcida atleticana no Mineirão.
    Em entrevista ao canal SporTV, logo depois da vitória do Atlético Mineiro, Marquinhos destacou a importância do resultado no Mineirão, comemorou o primeiro gol pela equipe e se emocionou novamente enquanto falava do pai e da infância difícil no Maranhão. Antes de se tornar jogador de futebol, o meia trabalhou como servente de pedreiro e flanelinha.
    “Quando eu fiz o gol, passou um filme na minha cabeça. Um garoto que ajudava o pai como pedreiro, a vigiar carro… Hoje, fazer um gol no Mineirão com a camisa do Atlético, é uma coisa que não tem como falar. Pai, um beijo! Seu filho realizou seu sonho de fazer um gol como profissional. Um beijo, eu te amo”, disse o maranhense.
    Depois da euforia pelo primeiro gol e pela vitória sobre o Goiás, Marquinhos e o Atlético Mineiro se preparam para o clássico diante do Cruzeiro, que será disputado neste domingo (10), às 16h, no Mineirão, pela 32ª rodada do Brasileirão. Os dois clubes estão lutando contra o rebaixamento: enquanto o Galo, com 39 pontos, ocupa a 11ª colocação da competição nacional, a Raposa tem 34 pontos e está na 16ª posição.

    MEC reforça horários de aplicação do Enem neste domingo

    O Ministério da Educação (MEC) reforçou hoje (8) o horário de aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Participaram do primeiro dia de prova, domingo passado (3), cerca de 3,9 milhões de estudantes. Neste domingo (10), eles fazem as provas de matemática e ciências da natureza.

    Os portões serão abertos 12h e fechados às 13h, no horário de Brasília. As provas começam a ser aplicadas às 13h30 e vão até as 18h30. Os participantes terão meia a hora a menos que no domingo passado (3), quando fizeram as provas de redação, linguagens e ciências humanas.

    Dadas as diferenças de fuso-horário no Brasil, candidatos que farão a prova em sete estados vão responder as questões até duas horas antes do horário da capital do país.

    O acesso à sala de provas só será permitido com a apresentação de documento oficial de identificação com foto, conforme previsto em edital. A lista completa dos documentos aceitos está disponível na página do Enem.

    O Instituto Nacional de Pesquisas e Estudo Educacionais Anísio Teixeira (Inep) recomenda que o participante leve também o Cartão de Confirmação da Inscrição impresso, que pode ser buscado na Página do Participante e no aplicativo do Enem.

    As questões da prova só podem ser respondidas com caneta esferográfica de tinta preta, fabricada em material transparente.

    No último domingo, relógios de alguns aparelhos eletrônicos adiantaram automaticamente uma hora. O problema havia sido previsto pelo Google.

    Confira o horário local das provas do Enem em cada estado

    Acre e 13 municípios do Amazonas – Atalaia do Norte, Benjamin Constant, Boca do Acre, Eirunepé, Envira, Guajará, Ipixuna, Itamarati, Jutaí, Lábrea, Pauini, São Paulo de Olivença, Tabatinga: abertura dos portões, 10h, fechamento dos portões, 11h, início das provas, 11h30, término das provas, 16h30.

    Amazonas (com exceção dos 13 municípios descritos acima), Roraima, Rondônia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul: abertura dos portões, 11h, fechamento dos portões, 12h, início das provas, 12h30, término das provas, 17h30.

    Distrito de Fernando de Noronha (Pernambuco) – abertura dos portões,13h, fechamento dos portões, 14h, início das provas, 14h30, término das provas, 19h30.

    Demais estados – abertura dos portões, 12h, fechamento dos portões, 13h, início das provas, 13h30, término das provas, 18h30.

    Saque imediato do FGTS para nascidos em abril e maio começa nesta sexta

    A Caixa inicia, nesta sexta-feira (8), uma nova etapa do calendário de pagamentos do Saque Imediato do FGTS. Os trabalhadores nascidos em abril e maio poderão realizar o saque de até R$ 500 de cada conta ativa ou inativa do FGTS. Mais de 8,8 milhões de pessoas serão alcançadas nessa nova fase, com liberação de aproximadamente R$ 3,4 bilhões.

    Balanço

    Até o dia 5 de novembro foram pagos mais de R$ 17,4 bilhões do Saque Imediato do FGTS para cerca de 41,3 milhões de trabalhadores. Assim, a CAIXA já atendeu cerca de 43% dos 96 milhões de trabalhadores contemplados pela medida provisória 889/2019 e liberou aproximadamente 44% dos R$ 40 bilhões previstos.

    O Saque Imediato do FGTS já se consolida como a maior ação de pagamento realizada no país, oferecendo comodidade e serviços digitais aos trabalhadores, que permitiram mais de 335,6 milhões de atendimentos nos canais oficiais da CAIXA e mais de 15 milhões de downloads do App FGTS nas lojas de aplicativos.

    Atendimento especial

    Para facilitar o atendimento, 2.381 agências da Caixa abrirão em horário estendido na sexta (8) e na segunda-feira (11). A lista das agências com horário especial de atendimento está no site fgts.caixa.gov.br.

    Canais de atendimento

    Os trabalhadores podem ser atendidos nos terminais de autoatendimento da Caixa utilizando apenas a senha do cidadão e, nas casas lotéricas, utilizando a senha do cidadão e apresentando documento de identidade. Quem tem cartão cidadão e senha pode sacar, também, nos correspondentes Caixa Aqui, apresentando documento de identificação.

    Brasil goleia Canadá e vai à final de torneio feminino na China

    A seleção brasileira feminina sobrou em campo diante do Canadá na madrugada de hoje (7): goleou as adversárias por 4 a 0 e garantiu presença na final do Torneio Internacional de Futebol Feminino, realizado na cidade de  Chongqing, na China. A decisão do título será contra a anfitriã China, que eliminou a Nova Zelândia por 2 a 0, em jogo realizado esta manhã. A final será no no próximo domingo (10), às 8h35 (horário de Brasília).
    Foi uma vitória maiúscula da equipe comandada pela técnica suíça Pia Sundhage, já que o Canadá ocupa a sétima posição no ranking da Fifa, enquanto o Brasil está em 11º lugar. Os dois jogos do torneio chinês valem como amistosos preparatórios para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.
    Jogo
    Quem liderou a vitória verde e amarela foi a meio-atacante Bia Zaneratto: ela roubou a bola na entrada da área e chutou com vontade; a goleira defendeu mas deu rebote e Chú aproveitou para abrir o placar.  Na sequência, aos 22min, Marta cruzou na medida para Formiga ampliar, de cabeça. E ainda deu tempo de Bia Zanerratto marcar o primeiro dela, aos 40min, com um belo chute colocado. Na etapa final, aos 12min, Tamires tocou para Bia Zaneratto, que se livrou da marcação e fuzilou as redes, selando o placar de 4 a 0.
    A seleção feminina de futebol segue invicta desde que Pia Sundhage assumiu a direção do time em agosto passado. Em cinco partidas, as brasileiras venceram quatro (Argentina, Inglaterra, Polônia e Canadá) e empataram uma (com o Chile, no tempo normal; mas o adversário venceu na disputa de pênaltis).

    Inflação de outubro é a menor para o mês desde 1998

    O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de outubro ficou em 0,10%. O índice, que é usado como referência para a inflação oficial, foi divulgado hoje (7), no Rio de Janeiro, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Este é o menor resultado para um mês de outubro desde 1998, quando o IPCA ficou em 0,02%.
    No acumulado do ano, o IPCA está agora em 2,60%. E, nos últimos 12 meses, a variação é de 2,54%, abaixo do índice de 2,89%, encontrado nos 12 meses anteriores.
    Três grupos pesquisados apresentaram deflação: habitação (-0,61%), artigos de residência (-0,09%) e comunicação (-0,01%).
    A queda no grupo de habitação foi puxada pelo item energia elétrica, com 3,22% negativos.
    As altas ficaram por conta de vestuário (0,63%), transportes (0,45%) e saúde e cuidados pessoais (0,40%). A maior alta em vestuário foi atribuída a roupas femininas: 0,98%.
    Embora a energia elétrica tenha sido uma das responsáveis por puxar o índice para baixo em outubro, o gerente do IPCA, Pedro Kislanov, prevê uma alta para este mês.
    Ele explica que, em outubro, as contas pagas pelos consumidores estavam com bandeira amarela, que adicionava R$ 1,50 a cada 100km/h consumidos.
    Para novembro, a variação do item será regida pela bandeira vermelha, que aumentou de R$ 4 para R$ 4,16 a cada 100kw/h consumidos.
    “Provavelmente deve ter uma alta de energia elétrica em novembro”, disse o economista do IBGE.

    Polícia Civil cumpre mandados de prisão em Rosário

    A Polícia Civil do Maranhão, por intermédio da SENARC e SPCI, SEIC e SPCC, realizou, na manhã desta quarta-feira, (06), a OPERAÇÃO METRÓPOLE, visando dar cumprimento a mandados de prisão e busca e apreensão no município de Rosário/MA, onde resultou na prisão de duas pessoas identificas como  MARCELO LEANDRO CANTANHEDE SILVA e VICTOR LEONARDO FREITAS GOMES.
    MARCELO LEANDRO foi preso em decorrência de dois mandados de prisão, sendo um mandado de prisão preventiva pelo crime de Homicídio Tentado expedido pela comarca de Icatu/MA e outro mandado de prisão definitiva pelo crime de Tortura. Já VICTOR GOMES foi preso em flagrante delito pelo crime de posse irregular de arma de fogo de uso permitido em virtude de estar na posse de um revólver calibre 38, com 5 munições intactas, em sua residência.
    Após os trabalhos, os presos foram prontamente encaminhados ao Sistema Prisional, onde ficarão à disposição do Poder Judiciário.

    Casos de morte por dengue aumentam 5 vezes em relação ao ano passado

    Brasília – Agentes de combate distribuem panfletos e conscientizam moradores de Brazlândia no Dia de Mobilização Nacional contra o Mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e do vírus Zika (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

    Até 12 de outubro deste ano, houve 689 mortes em decorrência da dengue em todo o país, de acordo com o mais recente boletim epidemiológico do Ministério da Saúde, número quase 5,4 vezes maior que as 128 mortes registradas no mesmo período de 2018.
    Ao todo, foram registrados 1.489.457 milhões casos notificados de dengue em 2019, até o 12 outubro, número cerca de 690% maior do que os 215.585 casos de 2018. A dengue atinge até o momento 708,8 em cada 100 mil habitantes. A região com a maior taxa de incidência é a Centro-Oeste, com 1.235,8 para cada grupo de 100 mil habitantes, apesar de ter um número menor de casos.
    Os estados de Minas Gerais (482.739), onde houve 154 mortes confirmadas, e São Paulo (442.014), com 247 mortes confirmadas, concentram 62% dos casos prováveis. No Sudeste, a taxa de incidência é 1.151,8 para cada grupo de 100 mil habitantes.
    No período, o ano de 2019 é o terceiro com a maior notificação de casos de dengue no Brasil desde o início da série histórica, em 1998, ficando atrás somente de 2015 (1,68 milhão) e 2016 (1,5 milhão).
    Entre as possíveis causas para o avanço da dengue está a volta de um sorotipo da doença que há anos não circulava no Brasil, conforme destacou ontem (1) o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta.
    “Tivemos a reentrada do sorotipo 2, há dois anos, e no ano passado isso fez um estrago muito grande no estado de São Paulo, na região de Bauru. Depois a dengue reentrou por Goiás, Tocantins – foi um número muito grande de casos, porque o sorotipo 2 havia muitos anos não circulava no Brasil, então agora ele volta com força total”, disse o ministro.
    Outros fatores que contribuem para o retorno da doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypt concentram-se no aumento das chuvas em algumas regiões e também uma menor prevenção.
    Chikungunya e zika
    O levantamento do ministério também reúne informações sobre a febre chikungunya. Ao todo, os estados já contabilizavam, até 12 de outubro deste ano, 123.407 casos, contra 78.978 do mesmo período em 2018.
    Segundo o ministério, o índice de prevalência da infecção, que também tem como transmissor o mosquito Aedes aegypti, é bastante inferior ao da dengue: 58,7 casos a cada 100 mil habitantes. Os estados do Rio de Janeiro (83.079) e do Rio Grande do Norte (12.206) concentram 77,2% dos casos prováveis.
    Até o encerramento do balanço, haviam sido confirmadas 75 mortes provocadas pela Chikungunya.
    O boletim epidemiológico acompanha também a situação do zika. O levantamento, nesse caso, vai até 21 de setembro, quando foram registrados 10.441 casos notificados da doença. Neste ano, o zika vírus foi a causa da morte de três pessoas.
    Recomendações
    Para reduzir a proliferação do mosquito vetor das doenças, o Ministério da Saúde aconselha a população a manter ações de prevenção, como verificar se existe algum tipo de depósito de água no quintal ou dentro de casa. Outra recomendação é lavar semanalmente, com água e sabão, recipientes como vasilhas de água do animal de estimação e vasos de plantas.
    Não deixar que se formem pilhas de lixo ou entulho em locais abertos, como quintais, praças e terrenos baldios é outro ponto importante. Outro hábito que pode fazer diferença é a limpeza regular das calhas, com a devida remoção de folhas que podem se acumular durante o inverno.
  • Anne Boutique

  • Policiais do 27º BPM prende estuprador em Rosário

    Policiais do 27º BPM prende estuprador em Rosário

    Um homem identificado como Walison Rodrigues dos Santos de 28 anos foi preso no início da noite desta segunda-feira (12), pela prática de estupro de vulnerável na cidade de Rosário, no Bairro Lagoa Azul, a vítima tem 17 anos, ela estava voltando da escola em uma bicicleta, quando foi surpreendida pelo indivíduo.A prisão aconteceu após policiais de serviço atenderem um chamado da central, de que ele teria cometido o crime de estupro, no endereço informado, a equipe de serviço foi até o local.

    Posted by Blog do Suerle Mourao on Monday, August 12, 2019
  • 3D INFORMÁTICA

  • A arte da nossa cidade Rosário

  • Assinar blog por e-mail

    Digite seu endereço de e-mail para assinar este blog e receber notificações de novas publicações por e-mail.

    Junte-se a 549 outros assinantes

  • Siga-me no Twitter

  • error: Conteúdo Protegido